• Jonathan Johnson

O Frágil Ser Humano- 22.3.2020

Certamente vivemos em tempos históricos em que a vida transformou de um dia pra outro como ninguém imaginava possível uma semana atrás. Provavelmente nem sabemos o quanto nosso dia a dia vai ser diferente pela frente.


A verdade é de que o ser humano é muito frágil. Faz bem relembrar-se desta fragilidade.

Salmo 75 nos ajuda relembrar verdades importantes. Nestes 10 versículos somos exortados a dar graças ao Senhor, relembrar que Deus está no controle, que não devemos pensar orgulhosamente sobre as nossas vidas, e de que ele há de julgar o mundo com o cálice de sua ira.

Mas focamos no verso 3. “Ainda que tremam a terra e todos os seus moradores, eu firmarei as suas colunas.” Certamente o mundo tem tremido por outras acontecimentos ao longo da história humana. Não somos os primeiros a sofrer uma turbulência. Mas, hoje estamos tremendo. E a verdade de que Deus firma a terra é para relembrarmos hoje. Deus firmará as colunas da sua criação. Ele não perdeu controle, ele não está de ferias, muito menos foi colocado em quarentena.


Então acima de tudo, este momento serve para relembrar disso. Deus determina tudo e seu plano não pode ser frustrado. Hoje é um dia para confessar nossa humildade e dependência em Deus. Verso 5 nos avisa contra o perigo de levantar do nosso nariz em orgulho diante dele. É um momento de baixar a cabeça, esperando dele o nosso socorro.


Verso 6: “Porque não é do Oriente, não é do Ocidente, nem do deserto que vem o auxílio. Deus é o juiz.” Verso 9: “Quanto a mim, exultarei para sempre; cantarei louvores ao Deus de Jacó.”


Minuto Cambirela é um projeto de implantação de uma igreja bíblica em Palhoça. Querendo conversar mais, nos chama no privado. Como sempre, obrigado por assistir!

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O Espírito Santo: Deus Trino

Minuto Cambirela para 28 de abril. Boa Tarde! Na defesa do evangelho em Gálatas 1, percebemos o peso enorme em entender e pregar corretamente o evangelho de Jesus Cristo. Escuta versos 9 e 10: “se alg